Lançamento do BigLinux 19.04

Conheça a distribuição Linux brasileira, totalmente grátis e muito legal para você utilizar
Autor: Marcos Carvalho 27 de agosto de 2019
4 de outubro de 2019

Chegou a nova versão do BigLinux, o linux com projeto brasileiro de customização do Ubuntu.

Para os saudosistas de plantão, podemos chamar o BigLinux do sucessor do Kurumin, que era outra distribuição brasileira de muitos fãs até hoje.

Para os patriotas: Por que não testar? Uma boa distribuição brasileira com muitas customizações voltadas para nós e ainda com a base forte do Ubuntu, ou seja, apt-get pra galera instalar programas mais facilmente.

Arquitetura e Suporte a hardware

Seguindo a linha das outras distros, o BigLinux só está disponível para processadores x64, até porque estamos vendo a tendência nos desenvolvedores de somente disponibilizar versões de 64 bits de seus softwares.

O consumo de energia é mais eficiente por causa do uso do programa TLP, que gerencia de forma muito competente as configurações do sistema, com isto sua bateria do notebook durará muito mais.

Duas versões de kernel para melhor se adaptar ao seu hardware, identificando a grande maioria dos periféricos automaticamente.

Pacotes atualizados no BigLinux 19.04

  • Kernel Generic 5.0.0-25.26
  • Kernel Xanmod 5.2.8-8
  • KDE Frameworks 5.60.0
  • KDE Plasma 5.16.4
  • LibreOffice 6.3.0
  • Firefox 68.0.2
  • Chromium 76
  • Mesa 19.0.9

Claro que estes são as versões que vem na ISO, mas quando você instalar e atualizar o sistema, já irá desfrutar de novas versões.

Velocidade em BTRFS

O sistema de arquivos BTRFS que muitas vezes é tratado como vilão na hora da velocidade teve ajustes para obter o máximo da sua performance.

Ele trabalha com uma compressão direta nos arquivos, o que resulta em menor quantidade de bytes a serem lidos pelo HD (ou gravados no HD), o que resulta em uma velocidade maior que o normal.

LEIA  Debian 10 - Novidades e como usar

Em sistemas EXT4 a instalação padrão ocupa cerca de 6,08 GB, enquanto em BTRFS este valor cai para 2,40 GB – uma compressão bem considerável.

Nos testes do desenvolvedor, a performance foi cerca de 40% maior para ligar o computador e 64% para abrir o navegador – Isso em um HD convencional.

O pessoal do BigLinux também deixa claro que esta performance é devido a compressão dos dados, e em um HD – uma vez que a leitura e gravação de um HD é mais lento – então este ganho de performance não é tão visível em discos sólidos (SSD)

Mas dá para perceber sim! Além do mais, SSDs são menores que os HDs – devido ao alto custo – então sobrando mais espaço, cabe mais arquivos. ;-P

Ótimo trabalho do pessoal, parabéns aos envolvidos.

Desktop

O BigLinux vem com três excelentes opções de ambiente gráfico:

  • KDE Clássico
  • KDE moderno
  • LXQt – Para computadores com pouca memória

Aplicativos

3 Lojas de aplicativos

Além da loja padrão debian, possui mais duas lojas: Flatpack (complementar) e Snap (loja alternativa)

Também possui suporte a aplicativos .DEB para facilitar a instalação de aplicativos de terceiros.

WebApps

O BigLinux já vem com uma lista bem completa de WebApps prontos para serem usados:

  • Deezer
  • Facebook
  • Forum BigLinux
  • Instagram
  • Messenger
  • Netflix
  • Office 365
  • Outlook
  • Prime Vídeo
  • Skype
  • Spotify
  • Telegram
  • TuneIn Radios
  • Twitch
  • Twitter
  • WhatsApp
  • Yahoo Mail

Além destes, alguns WebApps do Google:

  • Agenda
  • Contatos
  • Documentos
  • Drive
  • Gmail
  • Hangouts
  • Keep
  • Maps
  • Planilhas
  • Slides
  • Tradutor
  • Waze
  • Youtube
  • Youtube Music

De brasileiros para brasileiros

Alguns programas que utilizamos muito não estão nas lojas de aplicativos, mas com um duplo click nos sites oficiais (ou aqui no blodgainformática que tem praticamente todos eles) você pode executar diretamente:

  • IRPF
  • Carnê Leão
  • PJe Office
  • Shodo
  • Warsaw
LEIA  Conhecendo o Ubuntu e dicas para utiliza-lo

PhotoGIMP

O aplicativo editor de imagens bem famoso, o GIMP, também ganhou nova cara e funções com o plug-in PhotoGIMP que foi desenvolvido pelo DioLinux.

Ao executar o editor, usuários que vieram do Photoshop terão uma grata surpresa com a semelhança das interfaces e comandos.

LibreOffice

O substituto do MS Office vem em sua versão 6.3.0.4 com uma extensão LanguageTool que já vem pré-instalada, com uma correção de textos para Português do Brasil

Para desenvolvedores

Para facilitar os desenvolvedores, existe um painel para facilitar a instalação de aplicativos para devs como Apache, Python, Mysql, Phpmyadmin, Atom, Bluefish, VSCodium, VSCode e Sublime Text.

Requisitos para executar

A configuração mínima é um processador de 64 bits (Intel ou AMD), 2 GB de memória RAM e 8 GB de espaço em disco.

A configuração recomendada é com 4 GB de memória RAM e 40 GB de espaço no HD (ou mais)

Como baixar e utilizar

O BigLinux pode ser baixado diretamente da página oficial da comunidade. Tudo em português e de um jeito fácil para você tirar suas dúvidas.

A imagem ISO disponibilizada é uma live que permite você testar a distribuição sem a necessidade de instalá-la.

Você pode verificar os programas, navegar na Internet, fazer quase tudo sem a necessidade de instalar em seu HD.

Para gravar esta ISO, eu recomendo o uso do programa Universal USB Installer (para Windows) e o dd para Linux.

Nestes próximos dias, colocarei minhas impressões do sistema e gravarei um vídeo para que todos possam conhecer melhor.

Em caso de dúvidas sobre a distro, chamem o Bruno lá no forum que ele é uma pessoa muito solícita e vai te ajudar.

Um abraço a todos

Você vai gostar

WalmartBR

5 comentários em “Lançamento do BigLinux 19.04

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.