6 dicas para turbinar seu iPhone ou iPad

Seis dicas para deixar seu iPhone ou iPad rapidíssimos, mesmo se o aparelho for de uma versão mais antiga.

Atualizado em

Após várias atualizações de iOS, novos programas e recursos, chega uma hora em que seu iPhone ou iPad de 2 ou 3 anos começa a ficar muito lento.

Na verdade, ele fica praticamente inutilizável. Demora para abrir os e-mails, abrir o navegador e qualquer outro programa.

A indústria de software e hardware são assim mesmo, hoje é excelente, custa centenas ou milhares de reais e amanhã está tudo obsoleto.

Novos softwares são confeccionados com funções mais complexas que as anteriores, falhas de segurança também entram nesta conta, e desta forma os programas vão ficando maiores e consequentemente precisam de mais “máquina” (ou hardware) para rodar.

Como no mundo da informática é muito difícil manter-se desatualizado em relação ao software, somos praticamente obrigados a atualizar, e então ficamos com nossos equipamentos extremamente lentos.

Aqui listarei alguns passos para aumentar consideravelmente a performance do seu gadget. Diferente de outros sites, procurarei colocar as mais importantes no começo.

Algumas opções não existem no iPad 1 ou iPhone 4, mas existem no iPad 2 e iPhone 5, por exemplo.

Sem mais delongas, vamos à prática :

Transparência

Redução da transparência
Redução da transparência

Este é um ítem que muda bastante o desempenho, porém ele substitui a transparência em algumas áreas por uma cor cinza clara, portanto não fica tão bonita, mas se você quer desempenho…

Ative a redução de transparência em: Ajustes, Geral, Acessibilidade, Aumentar contraste, Reduzir transparência. (deixar ativado)

Efeito Paralaxe

Efeito paralaxe
Efeito paralaxe

Este efeito é o que faz com que sua tela inicial fique como se fosse duas camadas, sendo a primeira no fundo e a segunda com seus ícones, dando a falsa impressão 3D quando mexemos o iPad ou iPhone

LEIA  Como Unir 2 ou mais arquivos PDF em arquivo único

Ative a opção em: Ajustes, Geral, Acessibilidade, Reduzir movimento (deixar ativado)

Localização

Localização iOS
Localização iOS

Os serviços de localização utilizam o GPS, então se você utiliza o iPad em locais que demoram para pegar o sinal do satélite, a demora para abrir os aplicativos é nítida. Percebemos isto claramente quando abrimos o aplicativo “Câmera”.

Não recomendo desligar totalmente a localização do iPad, alguns serviços precisam, mas não todos.

Então acesse: Ajustes, Privacidade, Serv. Localização

Neste menu, selecione o que você quer ou não que utilize sua localização. As opções são Nunca, Durante o uso do Aplicativo ou Sempre. Nem todos os aplicativos tem todas estas opções, mas vou explicar:

  • Nunca utilizar o GPS, claro rs !
  • Sempre é muito perigoso, por exemplo um aplicativo Bradesco, Evernote (só como exemplo), não tem a menor necessidade de estar em segundo plano e utilizar o GPS para saber sua localização.
  • Durante o uso é o mais indicado, quando for necessário e disponível para selecionar, pois o Google Maps ou Waze deverão saber onde você está para indicar uma rota melhor de navegação.

Então o importante aqui é o bom senso. Bússola – Nunca, Google Maps – Durante o uso, e assim por diante.

Alguns aplicativos deverão ser configurados de acordo com a necessidade do usuário. Por exemplo o aplicativo Câmera, se estiver ativo, identifica o local que a foto foi tirada. Para muitos isto é importante, você pode por exemplo ver as fotos de viagens todas separadas, mas para outros é totalmente desnecessário.

Safari

Safari
Safari

O Safari, web browser padrão dos aplicativos iOS, é muito bom, porém com o tempo acumula muita “sujeira”. Então é necessário uma limpeza.

Janelas abertas do Safari : Abra o Safari e feche a maior quantidade de janelas disponíveis, isto é possível clicando no botão do lado direito embaixo, onde tem um ícone de duas folhas. Ele mostra todas as janelas abertas e você vai fazendo um movimento da esquerda para a direita para fechar as janelas.

LEIA  Alterar o servidor de entrada de emails no MAC OS Yosemite

Cache do Safari:  Vá em Ajustes, Safari, Limpar histórico e dados dos Sites.

Atualizar Software

Parece meio óbvio, já que você chegou até aqui, mas é sempre bom verificar se existe alguma nova versão de software para ser instalada.

Vá em: Ajustes, Geral, Atualização de Software.

Sempre tenha a versão mais nova do software !

Limpeza via apps

Existem alguns apps que fazem este serviço de limpar os dispositivos da Apple. Muitos deles são excelentes e limpam arquivos temporários e memória.

Dentre diversos aplicativos, preferi me basear em um que é gratuito, podem baixar pela AppStore com o nome Battery Doctor.

Depois de instalado, vamos aos passos:

  • Abra o aplicativo Battery Doctor
  • Clique no botão “Clean Now”
Battery Doctor - Tela inicial
Battery Doctor – Tela inicial
  • Note a quantidade de espaço livre em meu iPhone (5.8 GB)
  • Clique no botão “Clean Up Cache”
Battery Doctor - Tela do lixo
Battery Doctor – Tela do lixo
  • Agora aparecerá um aviso que ele removerá alguns arquivos temporários de aplicativos e cache.
  • Clique em “Clean”
Battery Doctor - Exclusão do Lixo
Battery Doctor – Exclusão do Lixo
  • Note que meu espaço livre subiu de 5.8 para 6.4 GB, ou seja, mais de 600 MB limpos (equivalente a 207 músicas segundo o app)
  • Agora iremos otimizar a memória RAM, clique em “Memory”
Battery Doctor - Resultado da exclusão
Battery Doctor – Resultado da exclusão
  • Note que meu iPhone está com 76% de sua memória ocupada (isto é memória RAM, não armazenamento)
  • Existe até um aviso que está com pouca memória
  • Clique no botão “Boost”
Battery Doctor - Memória RAM
Battery Doctor – Memória RAM
  • Após a limpeza, ficou com 36% ocupado, 638 MB a mais.
Battery Doctor - Final
Battery Doctor – Final

Conclusão

Algumas dicas para você melhorar a performance do seu dispositivo da Apple são de muita ajuda, pois se você tem aquele iPhone ou iPad mais antigo, ainda poderá utilizá-lo tranquilamente.

Quanto ao software de “limpeza”, utilizei este por ser de fácil acesso, grátis e fácil manuseio, porém existem outros muito bons no mercado.

LEIA  Como clonar HD com programa gratuito

Espero que com estes passos você possa se sentir feliz novamente com seu dispositivo trabalhando mais rapidamente.

Um abraço a todos.

6 dicas para turbinar seu iPhone ou iPad

Seis dicas para deixar seu iPhone ou iPad rapidíssimos, mesmo se o aparelho for de uma versão mais antiga.

Atualizado

Após várias atualizações de iOS, novos programas e recursos, chega uma hora em que seu iPhone ou iPad de 2 ou 3 anos começa a ficar muito lento.

Na verdade, ele fica praticamente inutilizável. Demora para abrir os e-mails, abrir o navegador e qualquer outro programa.

A indústria de software e hardware são assim mesmo, hoje é excelente, custa centenas ou milhares de reais e amanhã está tudo obsoleto.

Novos softwares são confeccionados com funções mais complexas que as anteriores, falhas de segurança também entram nesta conta, e desta forma os programas vão ficando maiores e consequentemente precisam de mais “máquina” (ou hardware) para rodar.

Como no mundo da informática é muito difícil manter-se desatualizado em relação ao software, somos praticamente obrigados a atualizar, e então ficamos com nossos equipamentos extremamente lentos.

Aqui listarei alguns passos para aumentar consideravelmente a performance do seu gadget. Diferente de outros sites, procurarei colocar as mais importantes no começo.

Algumas opções não existem no iPad 1 ou iPhone 4, mas existem no iPad 2 e iPhone 5, por exemplo.

Sem mais delongas, vamos à prática :

Transparência

Redução da transparência
Redução da transparência

Este é um ítem que muda bastante o desempenho, porém ele substitui a transparência em algumas áreas por uma cor cinza clara, portanto não fica tão bonita, mas se você quer desempenho…

Ative a redução de transparência em: Ajustes, Geral, Acessibilidade, Aumentar contraste, Reduzir transparência. (deixar ativado)

Efeito Paralaxe

Efeito paralaxe
Efeito paralaxe

Este efeito é o que faz com que sua tela inicial fique como se fosse duas camadas, sendo a primeira no fundo e a segunda com seus ícones, dando a falsa impressão 3D quando mexemos o iPad ou iPhone

LEIA  Como clonar HD com programa gratuito

Ative a opção em: Ajustes, Geral, Acessibilidade, Reduzir movimento (deixar ativado)

Localização

Localização iOS
Localização iOS

Os serviços de localização utilizam o GPS, então se você utiliza o iPad em locais que demoram para pegar o sinal do satélite, a demora para abrir os aplicativos é nítida. Percebemos isto claramente quando abrimos o aplicativo “Câmera”.

Não recomendo desligar totalmente a localização do iPad, alguns serviços precisam, mas não todos.

Então acesse: Ajustes, Privacidade, Serv. Localização

Neste menu, selecione o que você quer ou não que utilize sua localização. As opções são Nunca, Durante o uso do Aplicativo ou Sempre. Nem todos os aplicativos tem todas estas opções, mas vou explicar:

  • Nunca utilizar o GPS, claro rs !
  • Sempre é muito perigoso, por exemplo um aplicativo Bradesco, Evernote (só como exemplo), não tem a menor necessidade de estar em segundo plano e utilizar o GPS para saber sua localização.
  • Durante o uso é o mais indicado, quando for necessário e disponível para selecionar, pois o Google Maps ou Waze deverão saber onde você está para indicar uma rota melhor de navegação.

Então o importante aqui é o bom senso. Bússola – Nunca, Google Maps – Durante o uso, e assim por diante.

Alguns aplicativos deverão ser configurados de acordo com a necessidade do usuário. Por exemplo o aplicativo Câmera, se estiver ativo, identifica o local que a foto foi tirada. Para muitos isto é importante, você pode por exemplo ver as fotos de viagens todas separadas, mas para outros é totalmente desnecessário.

Safari

Safari
Safari

O Safari, web browser padrão dos aplicativos iOS, é muito bom, porém com o tempo acumula muita “sujeira”. Então é necessário uma limpeza.

Janelas abertas do Safari : Abra o Safari e feche a maior quantidade de janelas disponíveis, isto é possível clicando no botão do lado direito embaixo, onde tem um ícone de duas folhas. Ele mostra todas as janelas abertas e você vai fazendo um movimento da esquerda para a direita para fechar as janelas.

LEIA  Aplicativo Itaú não funciona nos novos Macs M1

Cache do Safari:  Vá em Ajustes, Safari, Limpar histórico e dados dos Sites.

Atualizar Software

Parece meio óbvio, já que você chegou até aqui, mas é sempre bom verificar se existe alguma nova versão de software para ser instalada.

Vá em: Ajustes, Geral, Atualização de Software.

Sempre tenha a versão mais nova do software !

Limpeza via apps

Existem alguns apps que fazem este serviço de limpar os dispositivos da Apple. Muitos deles são excelentes e limpam arquivos temporários e memória.

Dentre diversos aplicativos, preferi me basear em um que é gratuito, podem baixar pela AppStore com o nome Battery Doctor.

Depois de instalado, vamos aos passos:

  • Abra o aplicativo Battery Doctor
  • Clique no botão “Clean Now”
Battery Doctor - Tela inicial
Battery Doctor – Tela inicial
  • Note a quantidade de espaço livre em meu iPhone (5.8 GB)
  • Clique no botão “Clean Up Cache”
Battery Doctor - Tela do lixo
Battery Doctor – Tela do lixo
  • Agora aparecerá um aviso que ele removerá alguns arquivos temporários de aplicativos e cache.
  • Clique em “Clean”
Battery Doctor - Exclusão do Lixo
Battery Doctor – Exclusão do Lixo
  • Note que meu espaço livre subiu de 5.8 para 6.4 GB, ou seja, mais de 600 MB limpos (equivalente a 207 músicas segundo o app)
  • Agora iremos otimizar a memória RAM, clique em “Memory”
Battery Doctor - Resultado da exclusão
Battery Doctor – Resultado da exclusão
  • Note que meu iPhone está com 76% de sua memória ocupada (isto é memória RAM, não armazenamento)
  • Existe até um aviso que está com pouca memória
  • Clique no botão “Boost”
Battery Doctor - Memória RAM
Battery Doctor – Memória RAM
  • Após a limpeza, ficou com 36% ocupado, 638 MB a mais.
Battery Doctor - Final
Battery Doctor – Final

Conclusão

Algumas dicas para você melhorar a performance do seu dispositivo da Apple são de muita ajuda, pois se você tem aquele iPhone ou iPad mais antigo, ainda poderá utilizá-lo tranquilamente.

Quanto ao software de “limpeza”, utilizei este por ser de fácil acesso, grátis e fácil manuseio, porém existem outros muito bons no mercado.

LEIA  Windows 10: Alterar de IDE para AHCI

Espero que com estes passos você possa se sentir feliz novamente com seu dispositivo trabalhando mais rapidamente.

Um abraço a todos.

Posts relacionados

Receba nossa newsletter gratuitamente e fique por dentro de vários assuntos da informática, além de novidades, dicas e tutoriais

Não enviamos spams, fique tranquilo

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.